cђσrαr é lίŋđσ ρσίѕ cαđα lágrίмα ŋα ƒαcє ѕãσ ραlανrαѕ đίtαѕ đє υм ѕєŋtίмєŋtσ cαlαđσ...

Comentem...

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Eu Te Amo Porra - Tomate

Mulheres falam demais, gritam demais,
Mas não consigo viver sem elas
E pra declarar o meu amor, minha paixão
Eu vou berrar um palavrão, berrar,berrar

Eu te amo porra
Eu te amo porra
Não consigo viver sem essa mulher
Eu faço tudo do jeitinho que ela quer
Eu te amo porra
Eu te amo porra
Não consigo viver sem essa mulher
Eu faço tudo do jeitinho que ela quer

Eu gosto de reggae, ela gosta de pagode
Mas preciso conquistar essa menina
Levei-a no buteco, lhe ofereci uma dose
Ela me disse vamos pra pagode
Chegando no pagode, ela chamou atenção
Usando seu vestido cor de rosa com limão

Chamei vamos pro reggae
Chamei vamos pro reggae
Chamei vamos pro reggae
Que eu não sei dançar pagode
Ela me disse: se vira,sacode


Baixar a Musica

http://www.4shared.com/audio/23Yy6Gwi/Eu_Te_Amo_Porra_-_Tomate.htm

terça-feira, 21 de junho de 2011

Legião Urbana - Eduardo e Monica

video

Quem um dia irá dizer
Que existe razão
Nas coisas feitas pelo coração?
E quem irá dizer
Que não existe razão?

Eduardo abriu os olhos, mas não quis se levantar
Ficou deitado e viu que horas eram
Enquanto Mônica tomava um conhaque
No outro canto da cidade, como eles disseram

Eduardo e Mônica um dia se encontraram sem querer
E conversaram muito mesmo pra tentar se conhecer
Um carinha do cursinho do Eduardo que disse
"Tem uma festa legal, e a gente quer se divertir"

Festa estranha, com gente esquisita
"Eu não tô legal", não agüento mais birita"
E a Mônica riu, e quis saber um pouco mais
Sobre o boyzinho que tentava impressionar
E o Eduardo, meio tonto, só pensava em ir pra casa
"É quase duas, eu vou me ferrar"

Eduardo e Mônica trocaram telefone
Depois telefonaram e decidiram se encontrar
O Eduardo sugeriu uma lanchonete
Mas a Mônica queria ver o filme do Godard

Se encontraram então no parque da cidade
A Mônica de moto e o Eduardo de "camelo"
O Eduardo achou estranho, e melhor não comentar
Mas a menina tinha tinta no cabelo

Eduardo e Mônica eram nada parecidos
Ela era de Leão e ele tinha dezesseis
Ela fazia Medicina e falava alemão
E ele ainda nas aulinhas de inglês

Ela gostava do Bandeira e do Bauhaus
Van Gogh e dos Mutantes, de Caetano e de Rimbaud
E o Eduardo gostava de novela
E jogava futebol-de-botão com seu avô

Ela falava coisas sobre o Planalto Central
Também magia e meditação
E o Eduardo ainda tava no esquema
Escola, cinema, clube, televisão

E mesmo com tudo diferente, veio mesmo, de repente
Uma vontade de se ver
E os dois se encontravam todo dia
E a vontade crescia, como tinha de ser

Eduardo e Mônica fizeram natação, fotografia
Teatro, artesanato, e foram viajar
A Mônica explicava pro Eduardo
Coisas sobre o céu, a terra, a água e o ar

Ele aprendeu a beber, deixou o cabelo crescer
E decidiu trabalhar (não!)
E ela se formou no mesmo mês
Que ele passou no vestibular

E os dois comemoraram juntos
E também brigaram juntos, muitas vezes depois
E todo mundo diz que ele completa ela
E vice-versa, que nem feijão com arroz

Construíram uma casa há uns dois anos atrás
Mais ou menos quando os gêmeos vieram
Batalharam grana, seguraram legal
A barra mais pesada que tiveram

Eduardo e Mônica voltaram pra Brasília
E a nossa amizade dá saudade no verão
Só que nessas férias, não vão viajar
Porque o filhinho do Eduardo tá de recuperação

E quem um dia irá dizer
Que existe razão
Nas coisas feitas pelo coração?
E quem irá dizer
Que não existe razão?

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Desilusão - Frases

-Sabe o que é pior que se apaixonar por uma pessoa que você sabe que não é para você? É se apaixonar achando que ela pode ser diferente.

-O pior sentimento não é ser solitário. É quando alguém faz você se sentir especial e de repente te deixa pendurado.

-Como deixar o passado para trás, sendo que ele continua achando um jeito de entrar em meu coração?

-O Amor existe, existe mesmo, mas ou ele não vai muito com a minha cara ou ele literalmente não gosta de mim.

-Tudo que morre fica vivo na lembrança, como é difícil viver carregando um cemitério na cabeça.

-De qualquer modo, de que adiantaria chorar quando todas as lágrimas do mundo não mudariam a situação?

-Existe uma sutil diferença entre eu e você, eu amo e você finge que ama.

- E por mai que você sofra por amor e queria desistir dele, no final você sempre se vê lutando por ele novamente.

-Não sou capaz de dizer quantas vezes disse que não amaria novamente.

-Fico preso em todas as nossas lembranças, talvez qualquer dia desses eu me livre delas, mas hoje não.

-Não me importa quantas vezes eu caia por amor, eu nunca vou desistir dele.

-Quando alguém que você ama se torna uma memória, a memória torna-se um tesouso.

-Eu só quero poder acreditar em você outra vez.

-Meu passado é dividido entre o que eu não consigo lembrar e o que eu não quero lembar, e você é os dois.

-Às vezes não sentir, é o único meio para sobreviver.

-Cheguei a um certo ponto em que tudo é ilusão. E passo a achar que tudo que as pessoas dizem é mentira.

-Acontece de você muitas vezes se apaixonar e ficar sofrendo uns dias depois, mas quer saber isso passa é tudo vira cinzas.

-Caro passado para de bater no meu ombro, eu não quero olhar para trás.

-Eu queria ter o dom de saber o que é certo, não me machucar nunca, fazer tudo correto.

-Pessoas estão sempre decepcionando umas as outras. É inevitável.

-Na vida, apenas uma coisa é certa, além da morte e dos impostos. Você irá magoar pessoas.
E se machucar.

-Não estou bem, mas finjo estar, por que quero estar bem.

-Um band-aid no coração, um sorriso nos lábios e tudo bem!

-Coração fechado para balanço, Volte mais tarde, quando eu decidir o que é melhor para mim,

-Então o que eu devo fazer é esperar... esperar...Mas até quando ?

-Talvez eu tenha amadurecido e você já não me causa as mesmas sensações.

-Seu jeito um dia me conquistou, assim como suas palavras, mas hoje não fazem o mínimo efeito sobre mim.

-Desejo que todas as minhas dúvidas e incertezas desapareçam.

-Nem sempre convém virarmos a página...às vezes pe preciso rasgá-la.

-E mesmo que nada funcione eu estarei de pé, de queixo erguido.

domingo, 12 de junho de 2011

Renato Russo - A Carta

Escrevo-te estas mal traçadas linhas meu amor
Porque veio a saudade visitar meu coração
Espero que desculpes os meus erros por favor
Nas frases desta carta que é uma prova de afeição.

Talvez tu não a leias mas quem sabe até darás
Resposta imediata me chamando de "Meu Bem"
Porém o que me importa é confessar-te uma vez mais
Não sei amar na vida mais ninguém.

Tanto tempo faz, que li no teu olhar
A vida cor-de-rosa que eu sonhava
E guardo a impressão de que já vi passar
Um ano sem te ver, um ano sem te amar.

Ao me apaixonar por ti não reparei
Que tu tivesses só entusiasmo
E para terminar, amor assinarei
Do sempre, sempre teu...

Tanto tempo faz, que li no teu olhar
A vida cor-de-rosa que eu sonhava
E guardo a impressão de que já vi passar
Um ano sem te ver, um ano sem te amar.

Ao me apaixonar por ti não reparei
Que tu tivesses só entusiasmo
E para terminar, amor assinarei
Do sempre, sempre teu...

Escrevo-te estas mal traçadas linhas
Porque veio a saudade visitar meu coração.

Escrevo-te estas mal traçadas linhas
Porque veio a saudade visitar meu coração.

Escrevo-te estas mal traçadas linhas
Espero que desculpes os meus erros por favor
Meu amor, meu amor...

Baixar a Musica ( A Carta )

domingo, 5 de junho de 2011

Coleção - Ivete Sangalo

Sei que você gosta
De brincar
De amores
Mas, oh!
Comigo não!
Comigo não!...

Sei também que você
Eu não sei, mais nada
Um dia você vai
Ouvir de alguém
O que ouvi de ti...

Então irá pensar
Como eu sonhei em vão
Não vá, ou vá
Você é quem quer
Quer saber?
Eu amo você...

Sei que você gosta
De brincar
De amores
Mas, oh!
Comigo não!
Comigo não!...

Sei também que você
Eu não sei, mais nada
Um dia você vai
Ouvir de alguém
O que ouvi de ti...

Então irá pensar
Como eu sonhei em vão
Não, não, não vá, ou vá
Você é quem quer
Quer saber? Eu amo
Quer saber? Eu amo
Quer saber? Eu amo
Eu amo, você!
Eu amo você!...

Baixar a Musica ( coleção )